Ouro preto o que fazer

O que fazer Ouro Preto

Se você não sabe o que fazer Ouro Preto, agora é a hora de conhecer lugares incríveis, paisagens de tirar o fôlego e passeios que podem tornar a sua viagem inesquecível. 

Entretanto, existem muitos turistas que não fazem ideia de como aproveitar a cidade e acabam presas em quartos de hotéis ou que acabam tão entusiasmados que não sabem o que adicionar ao roteiro.

Por isso, vim aqui te ajudar a encontrar algumas das melhores opções de pontos turísticos locais que não podem ficar de fora da sua lista. 

Porque visitar Ouro Preto? 

A princípio, Ouro Preto é uma daquelas cidades que encantam muitos e gera perguntas em outros. Seja porque você não sabe muito bem o que há para fazer ou ver. 

Dessa forma, o que você precisa saber é que existem diversos pontos turísticos conhecidos. Logo, você pode ficar um dia ou uma semana ali e aproveitar muito cada dia. 

O município fica no estado de Minas Gerais, há 100 km de Belo Horizonte, e já foi chamado de Vila Rica, durante seus primeiros anos de história. 

Inclusive, se você se lembrar das aulas de escola, Ouro Preto era a cidade circuito da rota do Ouro de Minas e também um dos locais mais ricos de arte barroca de todo o mundo. 

Por tudo isso, visitar a cidade é conhecer parte da história nacional, construções incríveis e que não serão vistas em outro lugar e muito charme nas ruelas com casas coloridas. 

O destaque está na arquitetura colonial, um presente aos olhos dos turistas, com diversas obras de arte, esculturas e pinturas de nomes famosos. 

Como Aleijadinho, Mestre Ateíde, Manuel Francisco Lisboa e Francisco Xavier de Brito. 

O que fazer Ouro Preto 

1. Passeio de Jardineira 

O passeio de Jardineira é uma opção bacana para começar a conhecer a cidade em um veículo super charmoso, dos anos 30 ou outros dos anos 70. 

Durante o tour, que não tem muitas paradas, você confere alguns dos principais pontos turísticos locais. E pode voltar a eles depois, para melhorar a sua experiência.

Ainda que seja um passeio até que simples, pode facilitar muito o seu primeiro dia. 

2. Praça Tiradentes e Museu da Inconfidência Mineira 

Seguindo as dicas de o que fazer em Ouro Preto, um ponto imperdível da cidade é a Praça Tiradentes, onde você também encontra o museu. 

Considerada como coração da cidade, a praça tem sempre muito movimento e permite que você veja um verdadeiro centro cultural e turístico. 

Então, a dica é começar por aqui, dando o pontapé inicial nos seus passeios ou mesmo para conferir os grandes eventos da cidade. 

Por isso, vá até a estátua de Tiradentes, Museu da Ciência e Tecnologia e o Museu da Inconfidência Mineira, que tem um impacto gigantesco na história brasileira. 

A praça é um marco inquestionável, já que foi nela que a cabeça de Tiradentes foi exposta depois de sua morte. 

No museu, você vai conferir diversos itens da época e entender um pouco melhora da história. 

3 O que fazer em Ouro Preto: conheça as igrejas 

Assim, como outras cidades turísticas do mundo, Ouro Preto possui diversas igrejas incríveis, com uma estrutura de tirar o fôlego. 

Inclusive, isso independe da sua religião, ainda que seja uma experiência ainda mais importante para os católicos. 

Abertas para visitantes, as igrejas tem um alto poder na história da religião, da cultura e na formação da cidade. 

Mas não é só isso não. 

Todas as igrejas são verdadeiras obras de arte, seja na arquitetura, nas pinturas ou mesmo nas esculturas presentes em seu interior. 

Marcadas pela arte barroca de Minas Gerais, as igrejas são bem antigas e trazem o melhor de diversos artistas importantes, como Aleijadinho e seu pai, Manuel Francisco Lisboa. 

Porém, existe um desafio: você vai precisar conferir o horário de abertura e fechamento de cada uma, que não é fixo. 

Devido ao grande volume de turistas, a maior parte das igrejas cobra uma pequena taxa para a entrada, em torno de R$ 5. Recomendo que reserve com antecedência no site turismo ouro preto, com a pandemia o número de visitas está reduzido.

Vale destacar que existem muitas igrejas, mas as mais famosas da região são: 

  • Igreja Matriz de Nossa Senhora do Pilar; 
  • Nossa Senhora do Carmo; 
  • Nossa Senhora do Rosário; 
  • Igreja de Santa Efigênia; 
  • São Francisco de Assis; 
  • Matriz de Nossa Senhora da Conceição de Antônio Dias, etc. 

Quer entender um pouco mais dessa arte colonial que tanto impressiona nas Igrejas de Ouro Preto?! A Fernanda Gallas, do blog Gallas Disperati, fez um texto incrível sobre o Barroco no Brasil. 

4. Mina do Jeje 

A Mina do Jeje é um ponto turístico interessante, mas que não é indicado para todos os turistas. 

Isso porque, alguns podem se sentir mal, pelo local ser muito fechado ou mesmo por lembrar que aquele era o local onde milhares de escravos trabalharam e morreram. 

De qualquer forma, é um ponto turístico que carrega a história da construção da cidade. 

Justamente por isso, muitos guias indicam o passeio até a mina logo depois de ir à Igreja de Santa Efigênia. 

Além da mina, o local conta com algumas outras construções da época da rota do ouro que são bem simples e bonitas. 

Existem algumas outras minas que você pode visitar, lembrando que todas são feitas apenas com guias e tendo um custo médio de entrada de R$ 30. 

Essas minas ficam dentro de propriedades particulares e as mais conhecidas ficam no centro histórico, principalmente na Rua Chico Rei. 

Dessa forma, se você gosta desse tipo de turismo, confira também: 

  • Mina du Veloso; 
  • Mina de Santa Rita 
  • Chico Rei; 
  • Mina da Passagem. 

Essa última ganha a atenção de muitos porque o tour é feito em carrinhos antigos, pelos trilhos. Por isso, o ingresso custa em torno de R$ 180. 

Ficou na dúvida do que adicionar no seu guia? Vem bater um papo comigo e garantir o seu roteiro personalizado para uma viagem incrível!

Quer conhecer outra cidade super romântica de Minas Gerais? Leia o texto incrível que o Rozemberg, do Blog Destinos Notáveis, escreveu e descubra Onda Ficar no Capitólio, MG.

5. Museus imperdíveis para o roteiro – O que fazer Ouro Preto 

Por ser uma cidade repleta de história e com muito para dizer, Ouro Preto é repleto de museus incríveis e que tornam a sua viagem cada vez mais importante. 

Além do Museu da Inconfidência Mineira, onde você verá diversos documentos, móveis e obras de arte, a dica é conferir o Museu de Ciência e Técnica da Escola de Minas. 

Aqui, você vai saber como a atividade local, a extração e processamento do ouro, foi realizada durante tantos anos. 

Depois, você pode conferir alguns outros, incríveis não apenas pelas obras, mas também pela estrutura, como: 

  • Museu Aleijadinho; 
  • Cada de Tomás Antônio Gonzaga
  • Museu do Oratório;
  • Casa dos Inconfidentes;
  • Museu de Arte Sacra de Ouro Preto; 
  • Casa dos Contos; 
  • Casa da Ópera.

Nas chamadas “casas”, a principal atração é a construção em si, sendo que todas foram transformadas em centros culturais. 

6. Mirante das Lajes 

O Mirante das Lajes é um local que muitos turistas se esquecem, um erro que você não deve cometer. 

Este local é ideal para ser visitado ao entardecer, garantindo uma visão panorâmica e incrível da cidade. 

Localizado na Rua Conselheiro Quintiliano, a maior parte dos turistas aproveita a volta de Mariana para dar uma paradinha aqui. 

Você também pode aproveitar para conhecer outros mirantes locais, como o Mirante da UFROP, na rua Santo Antônio do Salto e o do Morro do São Sebastião, que fica na rua Ladeira João de Paiva. 

Falar sobre o que fazer em Ouro Preto ou qualquer cidade mineira também envolve provar da comida típica, né?! O Rodrigo, do blog O mundo em Lanches, nos contou sobre o tradicional Pão de queijo recheado de Minas Gerais. Recomendo a leitura.

7. O que fazer em Ouro Preto: conheça os arredores da cidade 

Por fim, você precisa conhecer alguns dos pontos turísticos próximos de Ouro Preto, como o Parque Estadual do Itacolomi. 

Neste parque, você verá a ponta da pedra, parte da paisagem local, a represa Mirante do Custódio e ainda pode fazer várias trilhas e até o Museu do Chá. 

Outros pontos incluem o Morro do Cachorro, Pico do Itacolomi, Parque Nacional da Cachoeira das Andorinhas e tantos outros. 

Está planejando ficar mais dias em Minas Gerais? Confira o roteiro de viagem de 7 dias por Minas Gerais preparado pelo Rodrigo, do blog Fora da Zona de Conforto! 

Quer ficar por dentro do mundo do turismo? Confira os demais posts aqui da página e comece agora a planejar o seu próximo roteiro. 

Planeje sua viagem em casal

Gostou e quer conhecer algum dos destinos indicados? O Blog Viagem e Cura é parceiro de grandes empresas de viagens, com preços incríveis e serviços de alta qualidade. Programe-se e viaje com a gente, você não paga nada a mais por isso, vai garantir o melhor preço e ainda ajuda o blog a crescer!

SEGURO VIAGEM

A gente nunca quer passar perrengues nas viagens, né?! Mas e se acontecer alguma coisa?!. Devemos sempre viajar seguros! Por isso indico o SegurosPromo, uma dos maiores agregadores de seguro de viagem do Brasil. Lá você pode comparar preços e planos de diversas empresas de seguro de viagem em um só lugar. Use o cupom VIAGEMCURA5 para receber 5% de desconto em seu seguro de viagem.

HOSPEDAGEM

Já reservou o seu hotel? Se não, recomendo o Booking.com. Eles têm a maior variedade de hotéis e pousadas em todo o mundo. Além disso, na maioria dos casos, você pode cancelar sua reserva sem quaisquer custos até alguns dias antes da data de chegada!

Para os mochileiros que não abrem mão dos albergues, eu recomendo o HostelWorld.com! Possuem uma variedade incrível de opções, além de fotos, comentários reais e possibilidade de reservar sem qualquer custo até a data da hospedagem.

PASSAGENS

Ainda não comprou a sua passagem aérea e quer economizar? Dê uma olhada no Kiwi. Eles são agregadores de passagens que combinam vários outros sites de pesquisa de voos para facilitar a comparação de preços e garantir que você esteja obtendo o melhor negócio.

Vai viajar para Europa e está pesquisando trens e ônibus, além das passagens aéreas? Recomendo pesquisarem no Omio.com, um buscador completo em que é possível visualizar todas as opções citadas antes de decidir qual a melhor forma de se locomover no velho mundo.

CHIP DE CELULAR

Vivemos em um mundo digital, o que facilitou demais aos desbravadores do mundo! E o Viaje Conectado vai te deixar mais perto de todas as informações que você precisa durante a viagem e em tempo real, além de aproximar daqueles que estão fisicamente distantes!

3 respostas

  1. Acabei de voltar de uma viagem que não deu muito certo a Ouro Preto, mas já planejo ir de novo! Preciso conhecer as minas e entender melhor a história dessa cidade tão grandiosa e linda! Adorei suas dicas, já me inspirou a fazer outra viagem 😉

  2. Não conheço Ouro Preto. Mas vou guardar logo esse post pois quando for lá aproveitarei essas dicas do que fazer em Ouro Preto.

  3. Ouro preto é encantadora né? Eu ainda não tive a oportunidade de conhecer de perto, mas adorei saber o que fazer por lá, não vejo a hora de desfrutar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

  • Olá! Eu sou a Luana Lopo, sou uma baiana completamente apaixonada por viagens.

    Compartilho nas minhas redes sociais (@viagemecura) e aqui no blog minhas experiências de viagem ao redor do mundo, incentivando outras pessoas realizarem a viagem dos sonhos. Compartilho ainda o meu dia a dia e o meu lifestyle.

    Leia mais

  • Reserve pelo TripAdvisor

  • Baixe o ebook gratuito Viajando Sozinha

    capa de um ebook sobre viajar sozinha, foto de uma mulher de costas em uma cachoeira em tons terrosos e título do livro em cores também terrosas
  • Booking.com